+55 47 99981-2420
WhatsApp
R. Luxemburgo, 601 - Camboriú / SC
Bitcoin é um tipo de moeda

O que é mesmo Bitcoin?

"Bitcoin é uma rede de pagamentos inovadora E é um novo tipo de dinheiro." (bitcoin.org)

Bitcoin é uma revolução no sistema monetário Mundial. É uma forma de dinheiro online, é a revolução do dinheiro assim como o e-mail (correio eletrônico) foi a revolução de como você envia e recebe correspondências.

Então, Bitcoin é uma forma de dinheiro… mas o que é mesmo dinheiro? Essas e outras perguntas tentamos responder, de forma simples, nesse artigo. Aproveite!

Você sabe que é ... dinheiro?

O dinheiro foi criado para facilitar as operações de compra e venda entre as pessoas. Antes de existir dinheiro, as pessoas usavam o que tinham como moeda de troca para conseguir o que precisavam. Era comum se trocar uma ovelha por algumas sacas de arroz e feijão, por exemplo. Como era complicado ficar levando esses bens de um lugar para outro, foi criado o dinheiro que indicava a posse de valor. Por exemplo, ao invés de levar uma ovelha, a pessoa levava o dinheiro que correspondia ao valor de uma ovelha e fazia negócio com o dinheiro.

O que é dinheiro?
Dinheiro é essencial para pagar as nossas despesas diárias
Assim, podemos dizer que dinheiro é basicamente um sistema de contabilidade, uma forma de registrar quem possui o que, o que você tem, e quem deve o que para quem. O responsável por criar o dinheiro físico são os governos, que imprimem dinheiro e são a entidade garantidora de que o dinheiro é verdadeiro é não falso. Os governos também têm acesso ao registro de quem tem dinheiro, até com a finalidade de cobrar impostos sobre a sua posse e movimentação. No Brasil, por exemplo, a Receita Federal sabe das suas movimentações bancárias a partir de R$ 2.000,00!
Compra e venda com Bitcoin
Com Bitcoins você pode comprar e vender produtos e serviços, assim como faz com o dinheiro físico

E com o Bitcoin?

O Bitcoin é semelhante ao dinheiro tradicional, mas com algumas diferenças - não existe em papel, por exemplo. Bitcoin também é uma forma de registrar transações entre pessoas, empresas e países, de registrar quem possui o quê.

Ele é criado digitalmente, de uma forma que é possível você e eu efetuarmos transações diretamente, sem intermediários, e tudo fica registrado num sistema de contabilidade digital e online, como num livro-caixa.

No dinheiro tradicional quem é responsável pelo registro das operações são os bancos, eles centralizam essa tarefa e cobram caro por isso, e no dinheiro virtual essa operação é terceirizada para uma rede mundial de computadores distribuídos, onde não existe uma centralização das informações.

Quem emite Bitcoins são os computadores que validam cada uma das operações desse sistema de contabilidade. Esse processo de criação de novos Bitcoins e de validação de transações é chamado de Mineração.

A história do Bitcoin, rapidamente

Em 29 de setembro de 2008 aconteceu uma grave crise no sistema bancário americano. Foi um escândalo e abalou muitas grandes empresas Americanas. O problema mostrou para todos o risco que representa o dinheiro ser controlado pelos bancos centrais dos países, a fragilidade desse sistema, sujeito a ineficiência de processos, pessoas e até mesmo à corrupção. Nesse momento, surgiram com toda força idéias de uma década atrás, de um dinheiro que desse poder às pessoas, e surgiu o Bitcoin.

O primeiro Bitcoin foi criado em 3 de janeiro de 2009, mas as idéias que deram origem a ele remontam o ano de 1990, quando surgiu a vontade de se criar um tipo de dinheiro que desse poder as pessoas ao invés de poder aos bancos. Segundo essas idéias, era necessário que houvesse um mecanismo que garantisse anonimato total às pessoas envolvidas com o novo dinheiro digital.

Inicialmente, sua adoção era mais difundida entre as pessoas da área de tecnologia, que se empenhavam em divulgar o Bitcoin como dinheiro entre as pessoas e empresas de outras áreas de atuação. Tornou-se famosa a primeira operação de compra de produtos paga com Bitcoins: foram 2 pizzas, em 2010, que custaram… 10.000 Bitcoins!

Para você ter uma idéia, no momento em que escrevo esse artigo, a cotação está em torno de R$ 14.860 aqui no Brasil. Fazendo as contas, se o dono da pizzaria guardou esses Bitcoins, hoje ele tem uma fortuna de R$ 148.600.000! Isso é que se pode chamar de valorização, não é mesmo?

O que é dinheiro?
O Bitcoin foi criado para dar poder às pessoas, sem intermediários

Existe um limite de bitcoins a serem criados, que é de 21 milhões, e esse limite já estava definido desde o seu início e será atingido por volta do ano 2140 e se espera que, conforme esse limite for se aproximando, a moeda também se valorize cada vez mais, mas isso vai depender de sua adoção como moeda de uso diário. Por causa disso, a moeda foi criada para ser usada em frações, como se fossem centavos de Reais só que até a 8ª casa depois da vírgula; então você pode pagar seu café com Bitcoins, que provavelmente custará algo como 0,0006 BTC - que equivale a R$ 5,00 segundo a cotação de hoje.

Usos do Bitcoin no dia-a-dia

O Bitcoin é mais conhecido atualmente como algo em que você possa investir, e é importante que você saiba mais sobre isso lendo essa matéria em nosso Blog. Mesmo assim, todos os dias podemos ver na mídia notícias de Bitcoins sendo usados para pagar os mais diversos tipos de bens e serviços, em vários países. Nos Estados Unidos, por exemplo, em alguns estados até impostos as pessoas podem pagar em Bitcoin. Lá também existem caixas eletrônicos de auto-atendimento espalhados por todo o país, onde você pode comprar Bitcoins pagando em dólar e também vender Bitcoins e retirar dólares na hora! Gostou? Saiba que no Brasil isso também já existe!

Bitcoins estão por todo lado
A adoção do uso do Bitcoin cresce a cada dia, em vários países

No Brasil também a adoção está começando a aparecer, sendo que já existem muitos estabelecimentos que aceitam Bitcoins para pagamento dos serviços ou produtos que vendem. Você pode conferir alguns estabelecimentos que aceitam Bitcoins no site Coinmap (https://coinmap.org), mas saiba que só uma pequena parte estão nesse mapa, já que é preciso se cadastrar para aparecer no mapa.

Um exemplo do crescimento do uso do Bitcoin aqui no Brasil como moeda é essa reportagem do jornal Folha de Pernambuco, que mostra a grande adoção de pagamentos em Pernambuco, onde quase 80 estabelecimentos aceitam pagamentos em Bitcoins, entre lojas, bares, escolas, postos de gasolina, taxistas, motéis, spas e advogados. Além disso, já existem no Brasil caixas eletrônicos de auto-atendimento onde é possível comprar e vender Bitcoins, depositando e também sacando em Reais.

O Bitcoin é o presente... mas e o futuro?

O futuro do Bitcoin e das muitas variações que existem - chamadas altcoins - parece que já está traçado. Mesmo que algumas pessoas ainda olhem com desconfiança para esse novo tipo de dinheiro, a tecnologia está aí, funciona e é confiável. Uma prova disso é que cada vez mais os países, empresas e grandes bancos começam a adotar o protocolo de criptografia que dá segurança ao Bitcoin, chamado de Blockchain, para desenvolver soluções de alta segurança.

Por exemplo, o governo do Brasil está com um projeto de unificar alguns dos muitos documentos de identificação das pessoas físicas em um novo chamado eCPF. E vai funcionar na Blockchain. E o maior banco dos Estados Unidos, o JP Morgan Chase, acaba de lançar a sua própria variação do Bitcoin… Agora, o céu é o limite!

Você sabia que o Bitcoin pode ser o melhor investimento de 2019?

Agora que você já conhece um pouco dessa tecnologia, talvez seja a hora de conhecer como você pode lucrar com ela... parece uma boa idéia?

Então saiba de algo importante: o Bitcoin pode ser o melhor investimento de 2019. Quer saber mais detalhes? É só ler esse artigo que escrevemos no nosso Blog, lá contamos tudo sobre as maneiras de investir em Bitcoins!

Vamos lá?

© Copyright 2019 Minerando Bitcoin. Todos os direitos reservados.

Search